Trabalho de Conclusão de Curso
Documento
Autoria
Unidade da USP
Data de Apresentação
Orientador
Banca
Leme, Patrícia Cristina Silva
Hanai, Frederico Yuri
Título em Português
Análise da aplicabilidade da pegada ecológica em contextos universitários: estudo de caso no campus de São Carlos da Universidade de São Paulo
Palavras-chave em Português
Universidades
Sustentabilidade - indicadores
Pegada ecológica
Resumo em Português
As universidades, como centros de produção de conhecimento e protagonistas de ações de educação, também vêm sendo convocadas a repensar sobre suas ações, e, a partir disso, adotar diretrizes mais sustentáveis em seus eixos de atuação: ensino, pesquisa, extensão e gestão. A utilização de indicadores, como a Pegada Ecológica, possui um importante papel na tentativa de mensurar a (in)sustentabilidade das universidades, como maneira de verificar qual rumo e destino a sociedade está seguindo, de forma a sensibilizar a sociedade e tomadores de decisão e melhor orientar a formulação de políticas. A Pegada Ecológica (PE) é um indicador que quantifica a área necessária para produzir os recursos e assimilar os resíduos gerados por certa população (WACKERNAGEL E REES, 1996). Nesse contexto, esse trabalho calcula a Pegada Ecológica no campus de São Carlos da Universidade de São Paulo (USP), analisando sua aplicabilidade e viabilidade no contexto universitário. Para o cálculo, foi adaptada a metodologia empregada na Universidade de Santiago de Compostela, na Espanha, considerando as seguintes categorias no cálculo: consumo de água, consumo de energia elétrica, consumo de papel, áreas construídas e mobilidade e transporte. Obteve-se assim, um valor de PE de aproximadamente 1500 hectares/ano, o que corresponde a 10 vezes a área total do campus de São Carlos. O indicador também permitiu uma visualização dos parâmetros que mais contribuem para a PE do campus, podendo direcionar a atuação da instituição nas categorias de maior impacto, como, nesse estudo, mobilidade e transporte da comunidade universitária. Por fim, a utilização de indicadores, no caso a Pegada Ecológica, mostrou-se um instrumento fundamental para auxiliar no planejamento estratégico da instituição e na tomada de decisões. Ele fornece dados que sensibilizam e incentivam mudanças na gestão administrativa e de sua comunidade, pois proporcionam parâmetros de monitoramento e benchmarking visando o uso sustentável dos recursos, podendo ser utilizados em programas de educação ambiental, estabelecimento de padrões e metas para os programas e projetos da própria universidade
Palavras-chave em Inglês
Universities
Ecological footprint
Sustainability - indicators
Resumo em Inglês
Universities as centers of knowledge production and protagonists of acts ofeducation, are also being called upon to rethink their actions, and, as appropriate, adopt policies more sustainable in its main areas of activity: teaching, research, extension and management. The use of indicators as the Ecological Footprint, has an important role in trying to measure the (un) sustainability of universities, as a way to check which direction and destiny the company is following, in order to sensitize society and decision makers and better guide the policy formulation. The Ecological Footprint (EF) is an indicator that quantifies the area needed to produce the resources and assimilate the waste generated by a given population (Wackernagel and Rees, 1996). In this context, this study calculates the Ecological Footprint on the campus of San Carlos University of São Paulo (USP), analyzing its viability and applicability in the university context. For the calculation, the methodology was adapted from the University of Santiago de Compostela in Spain, considering the following categories in the calculation of: water consumption, energy consumption, paper consumption, and the built environment and transportation mobility. In those matters, we obtained a value of EF of approximately 1500 hectares per year, which corresponds to 10 times the total area of the campus of São Carlos. The measure also allowed a visualization of the parameters that contribute most to the EF from campus, being able to direct the institution's activities within the categories of greatest impact, as in this study, mobility and transport of the university community. Finally, the use of indicators, in this case the Ecological Footprint, has proved itself as key tool to assist in the institution’s strategic planning and decision making. It provides data that sensitize and encourage changes in administration and their community, since it caters parameters for monitoring and benchmarking aiming the sustainable use of resources, being used in environmental education, setting standards and goals for programs and projects of their own university
Arquivos
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome(s) do(s) autor(es) do trabalho.
 
Data de Publicação
2011-02-15
Número de visitas
2360
Número de downloads
2531
Copyright © 2010 Biblioteca Digital de Trabalhos Acadêmicos da USP. Todos os direitos reservados.